Artigos em Formação de palavras

desprincesamento

A riqueza de uma língua pode ser medida pelo número de palavras que ela nos oferece; no entanto, todo dia me aparece alguém lamentando a criação de um vocábulo novo

ler completo
propinocracia

Não precisamos consultar o dicionário para entender uma palavra como PROPINOCRACIA, pois nosso léxico é como um imenso Lego: as peças estão na caixa, à disposição do falante, que pode usá-las para produzir centenas de milhares de combinações que, é quase certo, não haverão de estar dicionarizadas.

ler completo
Janta

Injustamente condenada por velhos gramáticos, a palavra JANTA é filha legítima do verbo JANTAR, da mesma forma que VISITA e DESOVA nasceram de VISITAR e DESOVAR.

ler completo
homofobia

QUANDO UM TERMO técnico entra na linguagem do quotidiano, a tendência é reduzi-lo a um padrão mais confortável para todos os falantes. Vai daí, coisas estranhas começam a acontecer.

ler completo
costa-riquenho

Na hora de determinar como vamos chamar os naturais de um país ninguém vai consultar a língua que eles falam. Não podemos reclamar se nossos vizinhos nos chama de BRASILEÑOS.

ler completo
freelance

Como se formou e como se flexiona o nome do gado GIROLANDO,? O que significa, realmente, a expressão SOLUÇÃO DE CONTINUIDADE? E FREELANCE, por que se chama assim? Veja a resposta a essas três perguntas, e muito mais!

ler completo
Pedra de craque

Comparada ao Chinês ou ao Hebraico, nossa língua é uma jovem senhora de 900 anos, mas já tem seus hábitos e suas manias. Uma delas é impor o seu próprio sistema ortográfico aos vocábulos estrangeiros que aparecem por aqui — medida das mais saudáveis, como veremos.

ler completo
Gentílicos

Dois leitores trazem suas dúvidas sobre adjetivos gentílicos: quem nasce na cidade de Salvador, na Bahia, não poderia também ser chamado de “salvadorenho”? E quem tem uma esposa natural da Indonésia pode dizer que casou com uma “indonesiana” — ou é mesmo com uma “indonésia”?

ler completo
Desinquieto

As aparências enganam: DESINQUIETO não é o contrário de INQUIETO. Há muitos vocábulos em que o prefixo DES- não tem mesmo valor negativo que apresenta em DESLEAL ou em DESFAZER.

ler completo
Ainda as paraolimpíadas (conclusão)

Veja por que os esquisitíssimos *paralimpíada e *paralímpico jamais poderão conviver pacificamente com os demais vocábulos que compõem o nosso léxico.

ler completo