Artigos em Sintaxe das classes gramaticais

vou estar verificando

Não seja injusto! O erro chamado de GERUNDISMO não é culpa do pobre gerúndio.

ler completo
“Águia DE Haia” ou “Águia DA Haia”?

Para os holandeses, é DEN HAAG. Para os ingleses, é THE HAGUE. E para nós, como fica? Rui Barbosa, afinal, destacou-se EM HAIA ou NA HAIA?

ler completo
Ao meu ver?

Enfeitiçado por um manualzinho de péssima qualidade, um ingênuo leitor estava tão convencido de que AO MEU VER era forma condenável que veio apontar seu dedo acusador para o Sua Língua. O Doutor espera tê-lo curado.

ler completo
colocação do pronome

O Doutor explica por que os brasileiros, ao contrário dos portugueses, sempre preferem colocar o pronome oblíquo ANTES do verbo.

ler completo
filho morto FOI ou É?

Em que tempo devemos usar os verbos para falar de alguém que já faleceu? Na biografia de Michael Jackson, por exemplo, deve constar que ele É, FOI ou ERA irmão de La Toya Jackson?

ler completo
os seis melhor colocados

No torneio final, jogam os seis MELHORES colocados ou os seis MELHOR colocados? E MAIS BEM colocados, pode usar? O Doutor adverte: esta é uma encruzilhada perigosa.

ler completo
interpretação dos vocábulos compostos

O Doutor adverte: o grande problema na flexão dos compostos é a interpretação dos seus elementos formadores.

ler completo
“você” é 2ª ou 3ª pessoa?

Um leitor de Minas Gerais quer saber como pode se referir a um carro que pertence a seus dois interlocutores: “O carro DE VOCÊS está com o pneu furado”, “VOSSO carro está com o pneu furado” — ou não é nada disso?

ler completo
guardadas as proporções

Regina A. escreve de Rosário, Argentina, para perguntar sobre a frase “Guardado exageros e sonhos, o resto estava…”. Diz ela: “Gostaria que o senhor me explicasse este guardado e me dissesse que classe gramatical e função sintática tem”.  Prezada Regina: tens certeza de que era assim mesmo que estava no texto? Digo isso porque há […]

ler completo
do/de Paulo

Renato de Mendonça gostaria de esclarecer se estão corretas as três formas da seguinte frase: (1) A casa é do Paulo, da Renata e do Marcelo. (2) A casa é do Paulo, Renata e Marcelo. (3) A casa é de Paulo, Renata e Marcelo. Meu caro Renato: o leque deve ser ampliado para quatro opções: […]

ler completo