fi-lo?

 

O leitor Tolenti implica com o uso do pronome O em ênclise ao verbo. Diz ele: “Por que podemos utilizar fi-lo, se isso é cacafônico? Isso me lembra a série filo, família, gênero, etc., utilizados na Biologia”.

Ninguém usa fi-lo, meu amigo, a não ser, talvez, o falecido Jânio Quadros (o que, no fundo, não passa de mais uma anedota atribuída a essa excêntrica e lamentável figura). Existe (isso é outra coisa) a possibilidade de colocar o pronome O enclítico ao fiz, o que resultaria, obrigatoriamente, em fi-lo. No entanto, essa é uma forma cacofônica (e não *cacafônica) e fica no armário das curiosidades, juntamente com qué-lo, trá-lo, di-las, pu-las e quejandos. Poderíamos utilizar centenas de formas que, ao menos para nosso ouvido do século XXI, soam muito mal — e por isso nós as deixamos no depósito. Abraço. Prof. Moreno

 

Quer conhecer a mitologia grega?
Então ouça o podcast Noites Gregas, do professor Moreno.