Categorias
Lições de gramática

soer

“No tempo que de Amor viver soía”, diz o belo soneto de Camões, escrito no séc. XVI. E hoje? Como se conjuga o verbo soer? Ele ainda é usado?

Caro Doutor: Saúde e Paz! Como conjugar e usar com propriedade o verbo soer, tão pouco conhecido da nossa gente?

Reverendo C. L. S. — Botucatu (SP) 

Meu caro reverendo, o verbo soer é conjugado exatamente pelo modelo do verbo roer. A única — e importante — diferença é que soer é considerado um verbo defectivo no presente do indicativo; falta-lhe a primeira pessoa do singular: eu […], tu sóis, ele sói, nós soemos, vós soeis, eles soem. Como a pessoa que falta é exatamente a formadora do presente do subjuntivo, este tempo inexiste, na sua totalidade. Enquanto temos, para roer, “que eu roa, tu roas, ele roa, nós roamos, vós roais, eles roam“, o verbo soer não possui pessoa alguma neste tempo do subjuntivo.

Soer já foi um verbo muito freqüente no Português do séc. XVI (Camões usava muito), com o sentido de nosso costumar: “No tempo em que os homens soíam respeitar sua palavra”. No entanto, hoje seu emprego ficou praticamente restrito aos textos e discursos eruditos, em expressões mais ou menos pré-fabricadas do tipo “como sói acontecer”, “como soía ocorrer”. Sempre que tiveres dúvidas sobre a conjugação de algum verbo, meu amigo, eu te recomendo que consultes o Aurélio ou o Houaiss na Edição Eletrônica (para computador), que dá a conjugação de todos os verbos de nosso idioma. Abraço. Prof. Moreno

Depois  do Acordo:   freqüente> frequente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.